quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Maratona do Porto-2011

- Este fim de semana, domingo, mais um grande desafio, 8ª. Maratona da cidade do Porto...
- Saída de casa por volta das 04:00, para estar na cidade invicta pelas 07:00, a fim de preparar tudo, atempadamente, para o grande desafio de 42 km em asfalto. Com início marcado para as 09:00, junto ao Palácio de Cristal e tal como planeado assim foi feito, chegar à zona do Parque da cidade, equipar e apanhar o autocarro até perto do local de partida. O tempo estava agradável, vento não muito e estava fresco.
- Cerca das 09:00 foi dado, o muito esperado, tiro de partida e lá fomos... correndo pelas ruas da cidade do Porto, eu nunca lá tinha ido e gostei..., zona ribeirinha de Gaia, com retorno na Afurada, passagem pela Ponte D. Luís I, ida até ao freixo e chegada no parque da cidade, onde se encontrava instalada a meta...(gostei muito da zona ribeirinha, ruas bens arranjadas e limpas, com uma bonita vista para a foz e muita gente a passear, para quem gosta de ver o mar...).
A parte inicial da prova, cheio de muita vontade e força, coisa que se foi perdendo à medida que os kms iam passando, até aos 21 tudo mais ou menos, com 01.26' mas o pior estava para vir, aos trinta 02.04' e foi a partir daí e até aos 37, 38 que a coisa custou mais, depois disso só já faltavam 4 e quem tinha feito até ali também conseguiria fazer o resto, só que esse resto, aos 2 últimos começaram a aparecer as caimbrãs e não me deixaram correr até ao fim como eu queria, tinha que parar e ir mais devagar, sempre que aumentava o ritmo lá vinham elas..., no último km teve que ser mais devagar, mas consegui terminar com o tempo de 02.58'.35'', ficando na 105ª. posição da geral...É UMA SENSAÇÃO EXTRAORDINÁRIA QUANDO SE CHEGA AO FIM...
Agora para fazer melhor, tenho que treinar mais... Até Sevilha
- A Antonieta, para ela os meus parabens, como estreante não correu muito mal, o objectivo era terminar e conseguiu-o, tendo realizado o tempo de 04.23'.16''.

 Antes do início da prova com alguns amigos: O grande abutre - Vitorino, Brito, Eu, Antonieta, Arsénio e Sr. Martins... todos grandes campeões.
 Na meta após a chegada da Antonieta...
 Aqui durante o almoço, tripas à moda do Porto e água vinda directamente do produtor... (tinta)
até para o ano... para as francesinhas.

3 comentários:

Carlos Lopes disse...

Desejo uma boa prova

Mira Gaio disse...

obrigado...

João António Melo disse...

Excelente prova, Mira. É só a bater recordes. parabéns!